Audiência pública discute as drogas no sistema prisional

12 de abril de 2016 - 19:15

Secretária Aline Bezerra participa do evento e defende interiorização de ações de humanização

“Precisamos de participação efetiva de todos os agentes sociais envolvidos na discussão dessa temática”, afirmou a secretária Especial de Políticas sobre Drogas, Aline Bezerra, ao participar da oitava audiência pública do projeto Transformação e Humanização do Sistema Prisional. O evento aconteceu na tarde desta terça-feira, 12, na Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado (Sejus), em Fortaleza.

A audiência teve como pauta o debate sobre sofrimento e uso de drogas no sistema prisional e a construção efetiva de uma política de redução de danos junto aos presos e suas famílias. Também foi abordada a compreensão dos diversos fatores que atendem os internos com o intuito de construir um projeto terapêutico integrado. O principal objetivo dos agentes participantes é a formatação e implementação de um projeto político-pedagógico para as prisões cearenses, com ênfase na prevenção ao consumo de drogas.

Durante o evento, a titular da SPD fez uma breve apresentação da pasta e dos projetos em desenvolvimento com foco nos eixos: prevenção, tratamento e acolhimento e reinserção social e profissional de pessoas que enfrentam problemas relacionados ao uso abusivo de álcool e outras drogas. Aline Bezerra explicou que a Secretaria foi criada no ano passado pelo governador Camilo Santana e tem efetivado uma série de iniciativas no âmbito das políticas sobre drogas no interior do Estado, em especial junto às crianças e jovens e suas famílias.

“A interiorização das ações governamentais é uma determinação do governador Camilo Santana. Não podemos focar as atividades apenas na capital”, disse a titular da SPD. Mais adiante, a secretária avaliou que o trabalho de humanização do sistema prisional também deve priorizar a reinserção social e profissional e não apenas o cuidado e orientação dos presos sobre o uso e abuso de drogas.

O evento na Sejus foi cooordenado pelo secretário adjunto da pasta, Sandro Camelo, e contou ainda com a participação de Rafael West, psicólogo e coordenador de Articulação de Redes na Senad/Ministério da Justiça; Elton Gurgel, do Programa de Ações Continuadas sobre Drogas da Sejus; Nelson Massabani, do grupo Celebrando Restauração da Igreja Batista; e Regina Barroso, professora convidada do Centro de Referência Regional (CRR/Uece); além de representantes das secretárias de Saúde e Cultura do Estado, conselheiros tutelares e membros da equipe de profissionais do projeto Corre Pra Vida da SPD.

Fernando Brito
Repórter

Daniela Negreiros
Assessora de Comunicação da Secretaria Especial de Políticas sobre Drogas (SPD)
(85) 3238.5090 / 98902.7939 – comunicação@spd.ce.gov.br / daniela.negreiros@spd.ce.gov.br