Conselho debate problemática das drogas nas comunidades indígenas do Ceará

30 de maio de 2018 - 19:32 # # #

Fernando Brito - Assessoria de Comunicação - (85) 3238.5090 / 9.9910.3443
comunicacao@spd.ce.gov.br / fernando.brito@spd.ce.gov.br

 

 

Encontro foi presidido pelo secretário Especial Adjunto da SPD, Cláudio Saraiva; e pela representante do Ministério Público, Isabel Porto

Os problemas relacionados ao uso de álcool e outras drogas nas comunidades indígenas do Ceará foi destaque na pauta de reunião extraordinária do Conselho Interinstitucional de Políticas Públicas sobre Drogas (Cipod), gestão 2017-2019, realizada na manhã desta quarta-feira, 30, no auditório da Secretaria Especial de Políticas sobre Drogas (SPD). Durante o encontro, foi abordada, ainda, a questão da demarcação de terras indígenas no território cearense.

Presidido pelo secretário Especial Adjunto de Políticas sobre Drogas, Cláudio Saraiva; e pela conselheira titular do Ministério Público, procuradora de Justiça Isabel Porto; o encontro contou com a participação do vereador e líder das comunidades indígenas do município de Caucaia, Weibe Nascimento, que fez um amplo relato sobre a expansão das drogas entre os índios que vivem no Ceará. Segundo Weibe, a dependência química já chegou a todas as comunidades e exige a adoção de ações por parte do poder público para reverter a situação.

Participaram, ainda, da reunião, como convidados, Gustavo Guerreiro, da Fundação Nacional do Índio (Funai); Meire Fontes, Maria do Socorro e Noêmia Onofre, representando o Distrito Sanitário special Indígena do Ceará (DSEI-CE); sargento Albano e cabo Matias, representando a Polícia Militar; Nartan Andrade, secretário executivo da Academia Estadual de Segurança Pública do Ceará (Aesp); Gabriela Barbosa, delegada da Polícia Civil; Neto Pitaguary, representante do Conselho Distrital de Saúde Indígena do Ceará; Socorro Portela, representando o secretário de Segurança Pública, André Costa; João Aldemir Vieira, técnico da célula de diversidade da Secretaria de Educação do Estado (Seduc); Robson Veras, represantando o secretário da STDS, Francisco Ibiapina; e Maria Tapeba, presidente da associação dos professores indígenas.

Cipod

Instituído pelo governador Camilo Santana, o colegiado visa fortalecer o Sistema Estadual de Políticas sobre Drogas, construindo uma rede de iniciativas para conter o avanço das drogas no Ceará. O Cipod é composto por representantes de secretarias estaduais, organizações não-governamentais, entidades religiosas e estudantis do Estado, tendo caráter normativo,consultivo e de deliberação coletiva.