Manhã de serviços gratuitos para a população em situação de rua

13 de novembro de 2018 - 13:18 #

Fernando Brito - Assessoria de Comunicação - (85) 3238.5090 / 9.9910.3443
comunicacao@spd.ce.gov.br / fernando.brito@spd.ce.gov.br

Homens e mulheres beneficiários do Projeto Corre Pra Vida, desenvolvido pela Secretaria Especial de Políticas sobre Drogas (SPD), vivenciaram uma manhã especial nesta terça-feira, 13. Na Unidade Centro (contêiner), eles puderam usufruir de uma série de serviços gratuitos em alusão aos movimentos Outubro Rosa e Novembro Azul. A prevenção foi o principal foco.

Em parceria com diversas instituições que atuam, direta ou indiretamente, com a população em situação de rua em Fortaleza, a exemplo do Consultório na Rua, APTU, Centro Pop, CAPS AD, Sesa, SMS e Cruz Vermelha, a SPD disponibilizou serviços como orientações sobre redução de danos, exames (IST – sífilis, HIV, hepatites virais, escarro, prevenção ginecológica), aferição de pressão arterial, glicemia, palestras sobre educação em saúde, prevenção ao câncer de mama e câncer de próstata, corte de cabelo, atendimentos individuais, encaminhamentos, doação de brinquedos e lanche.

Nilson de Sousa, 41, chegou cedo ao contêiner do Projeto Corre Pra Vida. “Queria fazer uns exames e receber orientações sobre câncer de próstata. Então, não quis perder tempo. Esse tipo de ação é muito importante pra gente, que vive nas ruas e tem dificuldade pra conseguir algum benefício gratuito”, afirmou. Daniel Lourenço, 25, também aproveitou os serviços gratuitos ofertados. “Vi como tava a minha pressão, fiz exame de glicemia, conversei com o médico, corte o cabelo, lanchei. Pôxa! Foi tudo bom demais. Aqui, as pessoas em situação de rua se sentem integradas, respeitadas”, avaliou.

O secretário Especial de Políticas sobre Drogas, Will Almeida, esteve no contêiner e acompanhou as atividades da manhã de serviços. “Esse tipo de iniciativa está inserida no eixo do acolhimento e cuidado, efetivado pela SPD. A ideia é sempre ampliar os serviços oferecidos às pessoas em situação de rua ou em outros contextos de vulnerabilidade social, que fazem uso de drogas, respeitando seus desejos e limites e garantindo seus direitos”.

De acordo com o titular da SPD, cerca de 500 atendimentos foram realizados durante a manhã de serviços. Will Almeida aproveitou para confirmar o funcionamento, em breve, da Unidade Mucuripe do Projeto Corre Pra Vida, que atuará nos mesmo moldes das unidades Centro e Parangaba. A data da inauguração da nova unidade ainda está sendo definida. A expectativa é realizar cerca de 10 mil atendimentos/mês nos três contêineres.