SPD avança com o Projeto Novas Escolhas

28 de novembro de 2018 - 13:31 #

Fernando Brito - Assessoria de Comunicação - (85) 3238.5090 / 9.9910.3443
comunicacao@spd.ce.gov.br / fernando.brito@spd.ce.gov.br

Quarenta acolhidos em duas Comunidades Terapêuticas (CTs) que prestam serviço à Secretaria Especial de Políticas sobre Drogas (SPD) iniciaram nesta quarta-feira, 28, a participação no Projeto Novas Escolhas. A iniciativa é voltada à qualificação e posterior reinserção social e profissional de pessoas que estão em tratamento de problemas relacionados ao uso abusivo de álcool e outras drogas.

O Projeto Novas Escolhas é efetivado através da oferta de cursos profissionalizantes gratuitos a acolhidos em CTs. Nesta quarta-feira, iniciaram o curso de mecânica de motos acolhidos nas CTs Associação Ágape e Caverna do Adulão, localizadas na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF).

O primeiro dia de curso é sempre diferenciado, com a abordagem de temas como auto-conhecimento, comunicação eficaz, relações interpessoais e empreendedorismo, além da realização de dinâmicas com os alunos. Ao final do curso, os formandos recebem certificado de conclusão e kit contendo equipamentos básicos para que possam dar os primeiros passos na nova profissão em que foram capacitados ao concluírem o período de acolhimento.

A primeira fase da edição 2018 do Projeto Novas Escolhas beneficiará 180 acolhidos em nove CTs, entre homens e mulheres. Os cursos oferecidos são os seguintes: mecânica de motos, doces e salgados, designer de sobrancelhas, cabeleireiro / barbeiro e serigrafia.

Ao todo, serão ofertados 19 cursos no âmbito do Projeto Novas Escolhas, considerando que a segunda fase da iniciativa contemplará acolhidos em outras 10 CTs. As aulas serão ministradas por profissionais da Agência de Desenvolvimento Econômico e Social (ADES), num total de 100 horas/aula. A instituição é qualificada para executar políticas públicas nas áreas do trabalho e de empreendedorismo.

O secretário Especial de Políticas sobre Drogas, Will Almeida, enfatiza: “a SPD segue investindo na reinserção social e profissional de pessoas em tratamento da dependência química, que se constitui na última etapa da terapia e é determinante na recuperação integral. Daí, a realização de mais uma edição do Projeto Novas Escolhas”.

Will Almeida lembra que “o projeto proporciona o aprendizado de uma profissão e, para muitos dos beneficiados, o primeiro curso na vida com direito a receber um certificado. O aprendizado de uma profissão é uma chance de recomeço da vida para o dependente químico em tratamento”.

Conforme o titular da SPD, a definição dos cursos ofertados no projeto ocorreu a partir da escuta dos acolhidos nas CTs, bem como a realização de pesquisa sobre ofícios que apresentam significativa demanda por profissionais especializados para o mercado de trabalho.

O secretário ressalta que a qualificação para o mercado é fundamental para a reinserção social e profissional dos usuários de drogas após o término do período de acolhimento, além de favorecer a plena recuperação e a melhoria da autoestima.

Uma parceria firmada entre a SPD com a Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS) tem viabilizado mais uma ação no eixo da reinserção social e profissional. É o Projeto Criando Oportunidades. Em três anos, já foram capacitadas mais de 650 pessoas em tratamento em CTs. Elas aprenderam uma nova profissão que se tornou sua fonte de renda ao deixarem as CTs e buscarem espaço no mercado de trabalho.